Ordem Rosacruz
Uma Antiga Sabedoria para um Mundo Novo

Seja Rosacruz!

Ele não disse: “Seja um Membro Rosacruz!” ou “Sirva à Rosacruz!” Ele me disse: “Seja Rosacruz!”

4.716

Vinte e um anos! Esta era minha idade quando, como um presente, recebi de Ralph M. Lewis estas palavras: “Seja Rosacruz!” Com o final de sua encarnação, em 12 de janeiro de 1987, essa alma iluminada deixou vago o cargo de Imperator da Antiga e Mística Ordem Rosae Crucis, que mantivera por quase cinqüenta anos. Entre o dia em que me disse solenemente essas palavras no Templo Supremo em San José, Califórnia, e o dia de sua transição, quinze anos decorreram e durante esse tempo não se passou um só dia sem que elas se imprimissem em minha mente. Ainda hoje é assim, e essas palavras ecoaram fundo em meu coração quando eu próprio fui instalado no cargo de Imperator, em abril de 1990.

Ele não disse: “Seja um Membro Rosacruz!” ou “Sirva à Rosacruz!” Ele me disse: “Seja Rosacruz!” Um olhar de comando, profundo, acompanhou sua voz, e suas palavras penetraram nas profundezas de minha alma. Eu poderia ter recebido esse comando com grande alegria, considerando-o até uma honra, mas ao invés disso um indescritível sentimento de angústia e tristeza tomou conta de mim. Na época, achei difícil analisar minha reação, porém mais tarde compreendi que meu Eu Interior percebera a magnitude de tal ordem e a dificuldade de obedecê-la. Não atingi essa condição Rosacruz, mas fiz o máximo que pude para manter aceso o archote de nossa Ordem; para isto, tive de enfrentar muitas provas, e desafios difíceis colocaram obstáculos em meu caminho. As forças eram terríveis e ainda são, mas quando minha coragem fraqueja, renovo a espe­rança colocando-me sob a proteção da Rosacruz, meu ideal. Então, aquele olhar profundo e a voz de Ralph M. Lewis dizendo-me: “Seja Rosa­cruz!” impõem-se a mim.

Quando alguém se torna Membro da Antiga e Mística Ordem Rosae Crucis, aprende o significado do rosacrucianismo e o de ser um Rosacruz. Mas ser Rosacruz, a que estado corresponde? Na Tradição rosacruz, a expressão “estado Rosacruz” refere-se ao estado de Perfeição. Ele pode ser alcançado? Sim, mas quando e como? Tive oportunidade de fazer essa pergunta ao próprio Ralph M. Lewis e ele respondeu: “Ser Rosacruz é ser primeiro um Membro Rosacruz”. Entendi, com essa resposta, que para alguém atingir o estado Rosacruz e tornar-se Mestre, é necessário primeiro estudar e aceitar ser apenas um discípulo, mesmo que essa condição possa durar dezenas ou centenas de encarna­ções. Portanto, com a palavra “primeiro” ele quis dizer “Paciência”, mas há também outros significados. “Primeiro” significa “antes de tudo” e, por conseguinte, “sobre­tudo” um Rosacruz. E não poderia ser de outro modo para os que escolheram seguir uma senda tradicional e iniciática como a oferecida pela Antiga e Mística Ordem Rosae Crucis.

Ser um Membro Rosacruz significa estar na Senda da Iluminação; ser Rosa­cruz significa ter chegado ao final dessa Senda. Nosso Eu Interior conhece e compreende essa finalidade. Conhecer e compreender é como já estar lá. Portanto, “Seja Rosacruz” significa também: “Vamos nos comportar com se já tivéssemos chegado lá”. Trata-se de uma responsabilidade e um desafio muito grandes, pois se como Membros Rosacruzes estamos sujeitos a tropeçar e cair e cometer erros fundamentais, e, contudo prosseguir, como Rosacruz não podemos fazer isso. Ser Rosacruz é ser um exemplo. É também ser uma luz tão poderosa que dissipa as trevas. O Rosacruz é “a priori” um Membro Rosacruz, mas cujas qualidades são excepcionalmente desenvolvidas.

Por definição, o Rosacruz deve possuir todas as virtudes, mas para mim oito delas parecem ser as mais essenciais. São elas: obediência, confiança, paciência, humildade, simplicidade, tolerância, fortaleza e amor (virtude inseparável das outras e de todas as virtudes que existem). O Rosacruz, portanto, é obediente, confiante, paciente, humilde, simples, tolerante, forte e amoroso. Outras qualidades podem ser adicionadas a essas, já que o número delas é tão inesgotável quanto aquilo que deve constituir a Perfeição da natureza humana.

“Seja Rosacruz!”, assim fui ordenado naquele dia. Sozinho não serei capaz de consegui-lo. Por isto, peço-lhes: ”Sejamos Rosacruzes!” e ajudemos uns aos outros. Como Membro Rosacruz, não olhe para a distância que falta a ser percorrida para alcançar esse estado de Perfeição, antes, veja a distância já percorrida. Desse modo, você avaliará o valor e a beleza na Senda Rosacruz, na qual sinto-me feliz em caminhar ao seu lado. Como Membro da Antiga e Mística Ordem Rosae Crucis, você descobrirá o quanto a vida ganha em significado pleno quando damos à Rosa seu justo lugar na Cruz.

Assim Seja!

Revista “O Rosacruz” –  verão 2009